Donos do Mundo

Ceremony

Just Married

Não se Masturbarás

by - outubro 30, 2015

Essa semana recebi um e-mail sobre qual seria a minha visão sobre masturbação, então encontrei uma resposta em forma de estudo, “Pessoa” que me enviou esse e-mail, Deus te abençoe grandemente, estou orando por você.



Masturbação: esta na bíblia?



Se fosse dar uma resposta direta a sua pergunta eu teria que responder: “em lugar algum”. Você não encontrará na Bíblia um mandamento do tipo: “não se masturbarás”. Contudo o Novo Testamento não é composto de regras e sim de princípios. Por isso quero responder sua pergunta por meio dos princípios da Palavra e não por regras. 



É principio bíblico que devemos fugir da impureza e da prostituição. Em várias passagens somos exortados neste sentido. Para entendermos melhor o significado destes termos teremos que recorrer ao grego que é a língua na qual o Novo Testamento foi escrito.

Primeiramente veremos algumas ocorrências dos termos no N.T. e o seu significado na língua original. As palavras gregas usadas são “akatharsia” e “porneia”.
Akatharsia é traduzida por impureza: Romanos 6:19; II Co12:21; Gálatas; 5:19; Efésios 4:19; Colossenses 3:5; I Ts 4:7 Já o termo grego pornéia é traduzido por prostituição: Mateus 15:19; Marcos 7:21; II Coríntios 12:21; Gálatas 5:19 [obra da carne]; Colossenses 3:5; I Tessalonicense 4:3) e por impureza I Coríntios 6:13,18; 7:2. 


Akatharsia, no sentido moral significa: impureza proveniente de desejos sexuais, luxuria. Pornéia além de englobar a prostituição, também engloba qualquer tipo de imoralidade sexual quer seja em pensamento ou em ação. 



Pela Palavra sabemos que o Senhor deseja a nossa santificação, santificação tal que nos leve a abstermo-nos de qualquer tipo de imoralidade. Como conciliar isto ao ato de se masturbar? 



Se recordarmos as palavras do Senhor em Mateus 5:28, onde Ele nos diz: “Eu, porém, vos digo: qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no coração, já adulterou com ela” (R.A.). A Nova Tradução na Linguagem de Hoje diz: “Mas eu lhes digo: quem olhar para uma mulher e desejar possuí-la já cometeu adultério no seu coração.” Já a NVI traz: “Mas eu lhes digo: Qualquer um que olhar para uma mulher para desejá-la, já cometeu adultério com ela no seu coração. 



Juntando isso ao que lemos sobre o significado das palavras gregas, em especial a palavra porneia, vamos fazer algumas considerações. A masturbação envolve a imaginação ou o que é comumente chamado de “fantasia sexual”. Ou seja, na busca de satisfazer seu apetite sexual a pessoa imagina-se em ato sexual com alguém enquanto se masturba. Isto sem falar naqueles que adquirem material pornográfico para esta finalidade. Ele já olhou pra esta pessoa, desejou manter relação sexual com ela (adulterando no coração) e agora adultera com ela na sua imaginação. Isto nos leva a crer que, caso tivesse oportunidade também o faria fisicamente. 



Concluímos então que a masturbação fere uma série de princípios bíblicos e leva o praticante a ter uma mente poluída por pensamentos impuros o que claramente é condenado pela palavra de Deus. A recomendação bíblica neste sentido é: “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento” (R.A). Devemos nos perguntar: “é possível conciliar este texto ao ato da masturbação?” Creio que a resposta é não. 



Baseados no que vimos, podemos concluir que embora a Bíblia não mencione a masturbação, há nela princípios suficientes para sabermos que este ato não condiz com aquele cristão que busca a santificação. Ele será escravo de pensamentos impuros e ocupará a sua mente com pensamentos que não trazem proveito espiritual. 



Uma forma prática de fugirmos disto é evitar ver, ler e ouvir coisas que nos deixem excitados. É uma questão de decisão. Decido não assistir programas com cenas picantes ou insinuantes (grande parte dos programas humorísticos têm forte apelo sexual). Decido não ler literaturas seculares sobre namoro onde os jovens são orientados por sexólogos(as) que seguem padrões mundanos e anti-bíblicos. Decido não olhar uma segunda vez para aquelas pessoas de corpos esculturais pela qual eu passo nas ruas. Decido não alimentar pensamentos impuros na minha mente (alguém já disse que nem sempre podemos evitar que um passarinho pouse na nossa cabeça, mas que podemos evitar que ele construa um ninho nela). Então?



Espero ter esclarecido suas dúvidas sobre o tema e ter te ajudado a ganhar uma visão bíblica sobre este assunto. 

Por: Jabesmar Guimarães


You May Also Like

0 Comments

Obrigado por comentar aqui... breve te respondo. abraços